Sociable

2009-05-03

Ride the Magic Bus

Os Fatos a seguir são verídicos e se passam entre as 07h30min e 08h55min da manhã


07h30min – Estou no ponto de ônibus ouvindo wake-up da Kiss enquanto vou pro trabalho, olhava atônito para o bom trabalho que consegui realizar com uma escova de dente velha e graxa, meus sapatos brilhavam tanto que eu me senti calçando duas berinjelas.
- ACORDA IMBECIL SEU ÔNIBUS- este é meu alter-ego cortando meus devaneios e me puxando pra realidade.

07h33min Uma distinta dama de 10 arrobas sobe no mesmo ponto que eu, porém com os pés cheios de lama, onde esta mulher arrumou barro para colocar nos pés?
Ótimo ela estacionou seu belo corpanzil sobre o meu pé esquerdo, e parece além de surda imune a cutucões e cotoveladas.

07h43min Me apego religiosamente neste momento.
- Todo poderoso Nimb Senhor do caos e sumo sacerdote Murphy, revertam outras experiências sobre mim, mas me privem deste teste e removam este cachalote de cima do meu pé.

7h48min Nas Palavras do grande Oda Nobunaga “A montanha se moveu” e a sádica parece não ser surda, pois agora conversa euforicamente com o cobrador obstruindo a passagem de todos para ter um papo genérico. Aumentando o som do radio para evitar o papo genérico dos dois.
by the way, meu pé esquerdo não só parou de brilhar como está imundo.

7h57min A Distinta senhora continua alojada na catraca enquanto a parte dianteira do ônibus via ficando mais cheia, e por um incrível acaso todas as mulheres ao meu redor estão com decotes do tamanho de tupperwares de 15 litros, isto só seria bom se me fosse possível disfarçar meus olhares, mas para disfarçar de um lado eu tenho que encarar outro, e para completar acho que todos estão olhando para mim, devo ter aumentado demais o som para fugir do papo dos dois.

8h05min Creio que agora a montanha vai descer, e nos próximos pontos o ônibus tende a esvaziar devo conseguir até mesmo um lugar para sentar.

8h08min Gotcha a Distinta senhora aliviou o fluxo humano e estou escoando pela catraca, não consegui lugar apara sentar, mas uma boa alma se ofereceu para segurar minha bolsa.
bolsa contém: Serviço levado para casa (Um notebook e 3 livros caixa HUGES) + Material da Faculdade (Cadernos, livros e etc.) A.K Muito Pesada.

8h10min “CORRE BINO É UMA CILADA” alguém poderia ter gritado isto para mim, a boa alma é uma freetalker compulsiva e nos últimos dois minutos me disse que largou o ultimo emprego que tinha ficado durante seis anos para fazer a faculdade que era seu sonho e agora ta no segundo ano de fisioterapia, tem um filho de 14 anos, é desquitada e esta no segundo ano de fisioterapia (sim ela me falou isso 2 vezes, na verdade até mais vezes) Que estagiava 4 horas 3 vezes por semana... O que eu vou fazer com esta informação? Não sei, ela inútil talvez eu faça um post no UP e a transmita para outras pessoas.

8h15min Vou me sentar à boa alma vai descer e me cedeu seu lugar, mochila pesada no colo e antes de mergulhar no mundo egoísta do meu som da Kiss FM três mulheres se sentam uma ao meu lado e duas no banco de trás.
Segue uma transcrição da conversa das três, tão literal quanto eu me lembro:

-Ah meu namorado ta tão triste, expulsaram o velho da vila, mas também o cara foi fechar com o partido (PCC) sabia que a facção não ia deixar ele de boa.

8h16min O Papo delas agora além de me assustar esta me deixando transtornado
-Conhece a Balada “Yadda”* - Garota 1 atrás de mim.
-Fica perto do bar do “Sgrob”* - Garota 2 ao lado da G1
- Isso - G1
– É, meu Amigo foi ferido neste bar – Garota 3 ao meu lado.
- Sério? – G2
-É ele colou com um parceiro para fazer um “serviço” no bar e o burro acertou um tiro nele, o idiota nem pra atirar no dono do bar, não, acertou o amigo.
- CLARO QUE SIM SUA IMBECIL, AFINAL ERRADO É O CARA QUE MONTOU O BAR E ESTA TRABALHANDO - Meu alter-ego mais uma vez martelando minha consciência.

8h20min Desci deste purgatório sobre rodas, falta menos da metade do caminho, mas estou indo para o centro financeiro da cidade o segundo ônibus tem pessoas mais parecidas comigo.
típicos paulistas pessoas que inspiraram Nelson Rodrigues a dizer “O Pior tipo de solidão é a companhia de um Paulista.” Nesta cidade contato desnecessário, e Smalltalk são supérfluos logo. descartados

8h45min Uma vez um amigo do trabalho me disse que se você chega à rua Dr. Arnaldo antes das 8h não há transito... OR NOT. O Ônibus chegou aqui as 08h25min e nos últimos 20 minutos andamos 500 metros como bom paulista devo dizer que o transito flui bem.

8h54min Av. Paulista Conjunto Nacional, finalmente,
Nota mental acordar 10 minutos mais cedo para tentar evitar a horda de mulheres decotadas que querem colocar um prêmio sobre minha cabeça.
8h55min Sem Mais

8 comentários:

ana disse...

aha!! q brasilia q nada! ganhei dessa vez!

ana disse...

como sempre os seus relatos sao mto mais interessantes q seus contos!
mas nesse quesito perrenguizal nós estamos num pareo duro, pq onibus filho todo mundo pega e todo mundo sofre com os 5 sentidos!

Luh! disse...

Rico! Bela história! hahah.. Mais da hora ainda porque é real. E dá-lhe conversas no ônibus!
Beijo chuchu! Luh

Letícia Velasco disse...

acabei de chegar da escola, então não tenho sanidade mental para escrever um bom comentário, mas juro que li tudo.
saudade!
bjo

MCHELE disse...

HUAHUAHUAUA ADOREIII!
ME FALA QUE ONIBUS EH ESSE PRA EU PASSAR BEM LONGE DELE!!!
BJO

Anônimo disse...

^^
Nossa realmente sou obrigada a admitir... Vc é bom mesmo.

Mais não deixe que meus elogios te iludam eu sou apenas uma mera leitora...

Adorei!!!

bjus

Anônimo disse...

alias ...

Não apenas sou uma mera leitora... sou tambem uma fã ...

E o mais engraçado Ricardo é que eu te conheço desde pequeno ...

Quem sabe um dia eu revelo meu nome rsrsrsrsrsrs

bjus ... Vc vai longe tenho certeza ...

Pedro disse...

Velho, muito engraçado suas histórias.. srsrsrs

Vlw!